Sobre o terrorismo no Egito


Eu não falei deste assunto antes. Primeiro porque fiquei chocada demais com o que aconteceu em Alexandria, segundo porque pulei fora desta discussão (já que falar disso aqui certamente atrairia aqueles que adoram qualquer oportunidade para difamar os muçulmanos como um todo).

E hoje, não estou aqui para discutir de novo. Apenas admirar. Admirar a força de um povo, sua coragem de se unir, acima de religião ou qualquer coisa, pois um ato como esse exige somente uma resposta com amor, como os egípcios deram. Nas missas de natal no dia 7 de janeiro (no Egito o Natal não é dia 25), muitos muçulmanos foram as igrejas junto com os cristãos e muitos outros ficaram na porta como barreira humana, caso alguém tentasse fazer outra atrocidade do tipo, que na verdade não tem nada a ver com religião, como os esclarecidos sabem, mas sim uma questão de desestabilização política.

Muçulmana com seu filho, à direita, na missa de Natal

 

About these ads

Publicado em janeiro 12, 2011, em No Egito e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 13 Comentários.

  1. Achei legal o que fizeram, pena que jornal nenhum expos isso né? Só falaram do ataque. Mas acho que não precisavam ir a extremos a ponto de frequentar a missa.

    A barreira humana seria suficiente como forma de protesto, na minha opinião.

    Salam!

    • oi Mariam, a visão comum que mtas mesquitas/muçulmanos radicais pregam é que vc jamais deve ir ao culto de outra religião, mas até mesmo o profeta Mohammed falou que se não houver mesquitas, os muçulmanos deveriam rezar nas igrejas. Então não acho extremo nenhum, mas sim uma forma muito contundente de mostrar respeito à religião do outro, pois também recebemos quem não é muçulmano nas nossas mesquitas e tudo que é feito de forma recíproca contribui para a paz entre as religiões. É legal saber o que o outro pensa, até pra fortalecer nossa própria fé :-)

      • Desconheço esse hadith Marina, e mesmo que seja verdadeiro, não se aplica a situação que é bem diferente, há muitas mesquitas no Egito. Não acho que quem pregou contra isso que eu estou pregando, seja radical, eu não me considero radical. É ilógico você pregar o monoteísmo e depois ir num local e numa data onde o que será dito vai totalmente contra a sua ideologia. É a mesma coisa você ser vegetariano, acreditar nisso e ir com os amigos numa churrascaria e comer no self-service arroz e salada. Muito me espantou ver esta niqabi na missa. Cada um tem seu local de adoração, o profeta disse que não entraria numa casa com imagens, imagina então num local cheio de imagens e estatúas? Provar que você é tolerante não significa participar do que eles acreditam

        Salam.

      • http://www.islamonline.net/servlet/Satellite?pagename=IslamOnline-English-Ask_Scholar/FatwaE/FatwaE&cid=1119503547916

        posso achar coisas a favor ou contra este tópico, o Islam para mim nao é religião de empecilhos e dificuldades, mas depende de como vc enxerga e lida com sua fé. Eu continuo com minha opinião, me desculpa por ter falado de radicais, talvez não seja o caso, mas nestas questões eu sou bem liberal mesmo.

      • E entrar em um local com tais imagens não determina crença nelas. O encontro quis mostrar a solidariedade com o ser humano, independente de seu credo religioso. Quanto mais sectarismo se constrói encima disto ou daquilo, mais as pessoas afastam-se e erguem barreiras discriminatórias.

  2. Atitude muito digna! Se a mídia não mostra, vc faz diferente!

    Uma imagem digna e inusitada essa moça muçulmana segurar a cruz de um lado e a simitarra do outro! Adorei!

    Às vezes, penso que Jesus e Maomé são camaradas… Devem sentar num barzinho, conversando sobre a gente, Jesus tomando vinho com moderação e Maomé só no refrigerante!

    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk viajei agora, eu sei!

    Mas não acho tão absurdo acreditar q eles sejam amigos :P

    • oi Kiara, talvez vc não saiba, mas Jesus é considerado um profeta pelos muçulmanos, assim como Mohammed, e ambos são citados no Alcorão. Inclusive o Alcorão tem um capítulo sobre o nascimento de Jesus.

      • Realmente, não sabia disso! Muito bom saber!

        O meu comentário foi mais uma brincadeira uma “viagem” rsrsrs. Espero que não tenha sido de mau gosto ou te ofendido. Eu quis mais fazer uma crítica a quem quer colocar muçulmanos e cristãos uns contra os outros!

        Você sabe onde eu possa encontrar um exemplar, ainda que de bolso, do Alcorão, em Português? Tenho muito interesse em saber!
        Sou adepta do Espiritismo de Allan Kardec. A meu ver, Maomé é um espírito muito evoluído, que, quando encarnado, trabalhou em nome de Deus, que usou seu poder de persuasão pra tirar aquele povo do caminho do erro e dos vícios!

        Até onde sei, o Alcorão é um livro de linguagem simples, e é muito mais “cabeça aberta” do que pregam certos radicais islâmicos, que chegam a ser levianos!

        Beijos!

  3. È….o verdadeiro muçulmano respeita o seu proximo e a religiao do outro, e o ajuda se necessário for.
    Porque nós respeitamos todos os profetas e as palavras de cada um deixados aqui na terra.
    Tolerância e respeito…e conhecimento para evoluirmos e não nos manter nas trevas da ignorânica.
    Fica com Deus.

  4. CLAP CLAP CLAP TO U MARINA
    e pra moça de niqab tb, a barreira foi um gesto maravilhoso de respeito ao outro,muito lindo isso.
    sabe, nunca gostei de imagens, santos, cruz, crucifixo, nem imagem de cristo morrendo ou crucificado, detesto isso.

  5. So quem vive aqui pra saber o que este ato representou!!!! Do contrario estariamos indo para o mesmo derradeiro caminho de Iraq, Afeganistao e afins. E mais, os mufits, sheikhs foram tb a missa, mostrando que ninguem de fora mete o bedelho nesta questao religiosa no Egito, ja basta as confusoes que se ve em Assiut e El Menya, estados menos tolerantes.
    E ir a igreja em sinal de respeito nao significa que vc compactue com certos ritos religiosos dos cristaos.
    Fanatismo gera intolerancia!

  6. Nossa que interessante!
    Essas fotos me surpreenderam mesmo!
    Gostei muito!

    http://uma-tal.blogspot.com/

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 437 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: